O melhor do amor
não se escreve,
talvez não se fale jamais.

Refugia-se
Nos longos olhares,
Nos longos beijos,
Peito contra peito
E o coração nos lábios

3 comentários:

Dal disse...

Falando ou não, escrevendo ou não, enquanto colocarmos amor em tudo o que fizermos, estaremos seguros embora algumas coisas feitas com amor não deem certo...

Matheus Matos disse...

muito bom seus escritos....estou seguindo!!!

Carina B. disse...

Lindo!
Adorei aqui!

E obrigada pela visita, volte sempre! :)